FIQUE POR DENTRO

Cadastre-se abaixo e receba as todas as novidades do Vestida de Noiva!

JÁ SOU CADASTRADO(A)

Casamento no Jardim Leopoldina | Marcella + Daniel

O site hoje está enfeitado com esse lindo jardim, casamento cheio de flores e beleza no Espaço Jardim Leopoldina! Casamento cheio de significados e boas energias, do jeito que acredito e fico feliz em compartilhar com vocês tudo o que a noiva contou:

Nós queríamos um casamento que tivesse a nossa cara e energia, e que fosse tudo com muito bom gosto. Como tínhamos um budget estipulado por nós antes de fecharmos o casamento, escolhemos um local e fornecedores em que a gente pudesse fazer tudo com bom gosto e qualidade, mesmo que pra isso tivesse que reduzir a quantidade de convidados ou fazer algumas adaptações.

Desde o início nós sabíamos que seria um casamento pequeno, para os amigos e familiares mais próximos, com o intuito de transformar o dia em uma bênção e uma comemoração mesmo desta nova etapa de nossas vidas. Como somos psicoterapeutas junguianos e amamos detalhes simbólicos (rs), tudo que pensamos foi em ritualizar e dividir o que aquela festa estava significando pra gente com os convidados. Fizemos questão de juntos decidirmos cada detalhe, sempre com o intuito de não deixar o casamento algo “mecânico”, frio, só lindo e sem a nossa história.

Todo processo foi engraçado até porque estávamos vendo de casar ao ar livre, no final da tarde, no interior… E quando fomos conhecer o Jardim Leopoldina nos apaixonamos de primeira. O astral, a decoração, a equipe nos ganhou na primeira conversa – claro, além de fazer uma excelente negociação. Melhor custo x benefício que encontramos. Meu marido então já decidiu a data e decidiu que ia ser lá quase que sem me perguntar! Achei engraçado partir dele, se imaginar lá dentro e querer muito que fosse lá. No final, casamos às 21h, num salão, em SP… E foi incrível.

Acho que o que mais marcou foi o celebrante e a decoração. Escolhemos para ritualizar nosso casamento o Dr Zan, um médico homeopata muito especial, que ao longo de algumas conversas e homeopatias entendeu exatamente nossa história, o que a gente procurava e transformou a nossa cerimônia em uma bênção sutil, leve e extremamente sensível. Ele usou os elementos da natureza de forma simbólica para representar a nossa união e suas palavras foram incríveis. Cada coisa que tinha no ‘altar’ foi pensado por ele desta maneira tão profunda e simbólica e a cada momento ele introduzia conselhos sábios para a nossa vida à dois. Foi lindo demais! Ah, fora que foi surpresa… Não sabíamos como ele ia celebrar, só sabíamos que ele usava elementos da natureza. Então foi tudo surpreendente! Tivemos uma sintonia de alma logo de cara, não podia ser outra pessoa celebrando nosso casamento.

E a decoração também entrou neste nosso sonho e a Cecília conseguiu transformar algumas inspirações em algo realmente lindo e diferente. Optei por cores mais quentes, arranjos mais soltos e o desafio que passei para ela foi de colocar frutas junto com as plantas e flores. Queria muito isso pois além de sair do convencional, representava fartura, fertilidade, união também de todos os elementos da natureza. Tudo ficou lindíssmo! Muitos arranjos plantados, seguindo o movimento dos próprios elementos. Ela captou tão bem nosso desejo que confiei em deixar ela criar arranjos e colocar alguns itens de acordo com o que ela achava que caberia. Ficou o máximo! Praticamente um casamento surpresa pra mim!”. 

Relações profissionais

Fotos: Ândres Oliveira Fotografia (SP)

Vídeo: Jonas Almeida Films (SP)

Local e Buffet: Espaço Jardim Leopoldina (SP)

Assessoria: Renata Herrero Rovea e Muda de Ideias.

Decoração: Boutique de Flores (SP)

Bar: Artshowbar (SP)

Noivinhos: Willow Tree 

Doces: Nininha Sigrist (SP) e Miti Cakes doces veganos (SP)

Bem Casados: Emília Bem Casados (SP)

DJ: Luciano Maiorino – Muzik (próprio do espaço)

Convites: Papel e Estilo (SP)

Quarteto de Cordas para Cerimônia e sax na recepção: Sinfoniart (SP)

Vale Conforto: sapatilhas da Poupee Sapatilhas (SP)

Celebrante: Cerimônias Personalizadas – Dr. Adair Zan

Vestido de Noiva: Black Tie (SP)

Beleza: Cabelo e make com Junnior Martins do Le Ritz Salon & Spa (SP)

Sapatos: Joanna Guidorizzi Calçados

Alianças: Vivara

Site de casamento: Casar.com

 

CONVERSE COM A GENTE

Casamento na Fazenda Santa Barbara | Roberta + Luiz

Sabe casal transbordando felicidade? E que sabem muito bem que tipo de festa representa o estilo deles? Foi assim com a Roberta e Luiz: “Nós gostamos de acordar cedo e curtir o dia, então para o casamento queríamos algo que começasse com Sol e fosse noite adentro. Além disso queríamos casar no campo, com bastante área verde e aquela “cara de casa” bem descontraída na decoração. Quando fomos conhecer a Fazenda Santa Barbara foi amor à primeira vista, nos sentimos super acolhidos pela equipe e pela paisagem maravilhosa!

Eu e o Luiz nos conhecemos no Insper, e nosso primeiro papo foi em uma festa tradicional da faculdade, a Tequilada. No casamento combinamos com o bar de servir rodadas de tequila na festa para remeter a esse encontro. Outro ponto legal foram as fotos dos “bem-casados” que a Tais Puntel incorporou na decoração, fotos dos nossos pais e avós no dia do casamento deles distribuídas em porta-retratos pela festa”.

A seleção de profissionais envolvidos nesta festa linda está cheio de gente que adoramos, desde os convites Papel e Estilo, DJ da DB2 Produção, Acessórios de Pista do Cadô Presentes, Bolo da Piece of Cake e doces da Fleur de Sucre e Le Delice.

Relações profissionais

Fotos: Rafael Karelisky (SP)

Vídeo: Fernando Canavês (SP)

Local: Fazenda Santa Barbara (Itatiba, SP)

Assessoria: Rodrigo Plaça (SP)

Decoração: Tais Puntel (SP)

Buffet: Arroz de Festa (SP)

Bar: Brothers Bar (SP)

Bolo: Piece of Cake (SP)

Noivinhos: Nandarte (SP)

Doces: Fleur de Sucre (SP) e Le Delice (SP)

Lembrancinhas: Amêndoas Conti Confeitaria (SP)

Bem casados: Ivany (SP)

Plaquinhas ou acessórios de pista: Cadô Presentes (SP)

Celebrante: Casamento Ecumênico (SP)

Som e Luz: DB2 Produção (SP)

DJ: Marcos Felipe da DB2 Produção (SP)

Banda: Banda DRIE (cerimônia e coquetel) + Banda Romma (SP)

Convites: Papel e Estilo (SP)

Vestido de Noiva: Pronovias NY (EUA)

Acessório: Acervo da família

Beleza: Puntuale (SP)

Sapatos: Luiza Barcelos

Alianças: Feitas pela Tia do Noivo

Site de casamento: ICasei

Chopp: ChoppUp (SP)

Cabine de Foto: Deixe seu retrato (SP)

 

CONVERSE COM A GENTE

Dicas de Lua de Mel | Tailândia e Dubai

Quero uma viagem igual essa da Bruna e Tomas, achei simplesmente incrível os hotéis e todas as dicas! Tudo organizado pela agência Kangaroo Tours.

Destino escolhido:  Tailândia e Dubai

Agência de Viagens: Kangaroo Tours

Duração da viagem: 21 dias

Época do ano viajada: Dezembro de 2016

Hotel de hospedagem: Tailândia: GLOW Trinity Silom em Bangkok / ART MAI Hotel em Chiang Mai / Zeavola em Phi Phi Island / Rayavadee em Krabi – Railay Beach / Charm Churee em Koh Tao / Ozo Chaweng em Koh Samui / Auris Plaza em Dubai.

Razão para ter amado o hotel? Missão complicada. Escolher apenas um dos maravilhosos hotéis que tivemos a chance de conhecer nessa viagem tão especial que foi a nossa lua de mel. O hotel em Bangkok era muito bem localizado, perto do metrô, então conseguimos acessar tudo com muita facilidade, sem nós perdermos. O Art Mai em Chiang Mai era incrível, café da manhã especial, com uma piscina e uma vista linda. O quarto super aconchegante, hotel novo e moderno, além da localização ser ótima, diversos restaurantes e bares por perto. Andamos bastante a pé pela região, que é linda.

O Zeavola é um hotel mágico. Lindo, o quarto super especial. Fizemos uma massagem maravilhosa. O atendimento era impecável, todos se preocupavam com seu bem estar. A comida foi sensacional. Apesar de ter outras opções pela praia, curtimos bastante o restaurante do hotel e tudo que ele tem para oferecer.

Mas não tem como não falar do MELHOR hotel da vida. O Rayavadee. É um paraíso na terra. Ficamos completamente admirados com tudo ali. Desde o atendimento na chegada e em toda a estadia, comidas e restaurante, acesso as praias, piscina. O quarto era surreal, o melhor de todos! A piscina de frente para uma das praias mais lindas era de tirar o fôlego. O hotel é imenso, portanto tem uma super caminhada para o café da manhã (que é fantástico) para as praias e demais restaurantes e piscina. Mas quem pensa que a caminhada é simples, se engana. Caminhos cheio de verde e paisagens mágicas. Renderam muitas fotos lindas.

Esses quatro hotéis foram os melhores sem dúvida. Mas se eu pudesse voltar para algum novamente seria o Rayavadee.

Qual foi a refeição mais incrível? Optamos por um jantar romântico no hotel Rayavadee, que era no restaurante de frente para o mar, pé na areia dentro de um penhasco de calcário, o Grotto. O lugar por si só já era suficiente, mas o barbecue oferecido com peixe, camarão, carne australiana, lagosta foi maravilhoso. Sem dúvida um jantar que marcou para sempre nossas vidas.

Um passeio que vocês nunca vão esquecer? Complicado escolher apenas um passeio em tantos que fizemos na Tailândia. Os lugares são lindos, tudo é incrível, com uma energia única. Em Bangkok e Chiang Mai conhecemos mais a cultura, templos, religião, e nas praias os passeios que deixam qualquer um suspirando com as paisagens maravilhosas. Só conhecendo estes lugares para sentir. Mais se tivesse que escolher apenas um passeio, diria que o Mercado Flutuante em Bangkok é algo extraordinário. Algo único e especial.

Um achado de viagem? Um restaurante em Chiang Mai, perto do hotel, chamado NORI. Fomos andando procurando algum local para jantar e encontramos uma placa deste restaurante de comida japonesa no 5° andar. Um roof top, pequeno e simples, porém delicioso. Com uma vista bem linda! Não é nada turístico, os garçons falam pouquíssimo em inglês e o pessoal era todo da região.

Se fossem voltar ao meu destino mês que vem, o que fariam diferente? A viagem foi perfeita e não mudaria quase nada. Mas acredito que ficaria mais dias e aproveitaria para conhecer Vietnã e Camboja.

A cena ou momento mais bonito da viagem? Foram diversos os momentos bonitos na viagem. Mas teve um momento bem especial que foi ver o pôr do sol no view point em Phi Phi, que fica em Ton Sai Bay. A subida é puxada, o calor é pesado, mas quando chega lá em cima e ver aquela vista com um pôr do sol de tirar o folego, tudo vale a pena. Isso que estava com bastante nuvens.

Qual dica desta viagem passaria para seu melhor amigo? Já até passamos para amigos as dicas da viagem, que não foram poucas, já que curtimos cada segundo nesse paraíso. Poderia falar cada detalhe, e se me deixar fico horas falando sobre tudo que precisa fazer!!! A dica número um é: não levem muita bagagem, malas enormes e de rodinha, não é fácil carregar nas praias e barcos. Outra dica importante é ir bem cedo para a praia de Maya Bay, pois depois das 9h já está bem lotada de turista, e ela é realmente linda vazia.

Além das fotos e das memórias, qual a lembrancinha que trouxeram do local? Compramos muitas coisas em Bangkok e Chiang Mai, como alguns budas, incensos e outros objetos decorativos. Mas o mais especial foi um quadro de um artista que compramos para nossa casa no Mercado Flutuante, uma recordação eterna.

baseKangarooTours

Relações profissionais

CONVERSE COM A GENTE