Capa-cha

A tradição do Chá de Cozinha (ou Chá de Panela, é a mesma coisa, cada região do Brasil chama de um jeito!) vem da época em que a noiva precisava e um dote para se casar. Quando a noiva não tinha um dote, os amigos se juntavam para doar mercadorias e assim a noiva conseguir ter seu dote.

Hoje em dia não precisamos mais de dote, mas a tradição dos amigos ajudarem com os pequenos itens da casa continua. Acho até que os Chás (seja de Cozinha, Panela, Bar ou Lingerie) viraram mais um evento pré-casamento, uma oportunidade de reunir as amigas (ou amigos) mais próximos para confraternizar de forma mais informal antes do casamento.

Quem organiza a festa? Quem convidar? Como organizar? O que não pode ser esquecido? Comentei tudo sobre a organização do Chá de Cozinha no vídeo do nosso canal no YouTube. Não deixe de se inscrever no canal para assistir tudo – youtube.com/fernandafloretoficial

Veja aqui o Chá Bar Mexicano da minha irmã Renata.

Veja aqui o Chá Bar com aula de drinks da minha irmã Marina.

converse com a gente
 0             0})
DEIXE SEU comentário
1 Comentários
  1. Larissa, disse:

    Oi Fernanda,
    Eu e meu noivo decidimos investir na lua de mel, por isso não faremos um festão. Você acha que fica feio fazer um cerimônia seguida de almoço apenas para família e padrinhos (50 convidados) e no dia seguinte uma comemoração informal com os amigos (tipo um churrasco)? Pensei também em fazer um chá-bar pros amigos antes do casamento em vez de churrasco depois. Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Capa-Nath

Pensa numa pessoa cheia de histórias engraçadas, interessantes e muita informação? Preciso apresentar a Nathalia Ziemkiewicz, da Na Pimentaria, para vocês. Nathalia é jornalista com pós-graduação em educação sexual, já realizou mais de 70 chás de lingerie.  Em duas horas, a Nath faz brincadeiras com noiva e amigas, bate-papo sobre sexo, tira todas as dúvidas, dá mil dicas para temperar a vida sexual e ainda demonstra produtos eróticos – à venda no final da apresentação, com maquininha de cartão.

Eu sou fã de Chá de Lingerie com diversão, conteúdo inteligente e informativo. É bom ter uma “atração” como a Nath, porque une as amigas, mesmo entre as que não se conhecem, em torno de um assunto. Não fica aquela coisa cansativa de só abrir presente. Para saber mais, fiz uma entrevista rápida com ela:

Pimentaria_06

Em média, quando tempo leva sua participação?
Cerca de duas horas, mais meia hora vendendo sex toys e atendendo a fila de mulheres que querem tirar dúvidas em particular.

As convidadas ficam constrangidas no começo?
A esmagadora maioria, não. Em geral, quem fica mesmo apreensiva é a noiva… Por não saber direito o que vai acontecer ali. Mas isso rola inclusive nos chás em que as amigas ficam responsáveis pelas brincadeiras, né? Ela é o centro das atenções e sabe que vai pagar alguns micos, então… As convidadas dão muita risada desde a hora em que “abençoamos” a noiva com uma “reza” coletiva e bem apimentada. É curioso como também mudam de comportamento na hora da palestrinha, em que falo sobre os principais mitos e dilemas entre quatro paredes. Elas ficam em silêncio e atentas, fazem expressões engraçadas de surpresa, cutucam a amiga ao lado, cochicham baixinho demonstrando alívio ou revelando algo íntimo. Digo que é uma terapia em grupo, bem-humorada e surpreendente. Muitas me dizem que nunca tiveram a oportunidade de falar abertamente sobre sexo e que aprenderam muito com a experiência. 

Melhor não convidar a mãe/ avós/ sogra ou em alguns casos elas participam?
Ah, isso depende muito da relação que se tem com essas familiares mais velhas. Há mães maravilhosas, divertidas, despachadas, bem amigas de suas filhas, sem tabus em relação a sexo. Nesses casos, a mãe ali até torna tudo mais divertido, conta como foi quando a filha perdeu a virgindade e lhe disse etc. Mas há chás em que mãe, sogra, tias ficam só até eu chegar (chego uma hora depois do horário do convite) para deixar a noiva mais à vontade. Há, ainda, aqueles em que elas ficam. E, putz, definitivamente não são os mais animados. Ao reparar o clima entre noiva e familiares, até dou uma adaptada nas brincadeiras e tento ser o mais sutil possível. Costumo sugerir que as noivas, quando possível, façam um chá de panela para essas pessoas e, depois, uma “despedida de solteira” ou um “chá de lingerie” apenas com as amigas mais legais. Até porque elas podem beber, fofocar alto etc sem nenhum constrangimento. 

Alguma história engraçada para contar?
Nossa, várias. Sempre faço um “Quiz Picante” entre o noivo e a noiva. Gravo vídeos com ele, respondendo dez perguntas. No dia, faço as mesmas perguntas para a noiva e depois mostro o vídeo dele. Se ela erra, paga uma prenda. Certa vez, o noivo disse que a primeira transa aconteceu na escadaria do prédio onde a família têm há décadas um apartamento para passar férias na praia. Todo mundo olhou para a cara da mãe da noiva, esperando uma reação negativa. Eis que ela cai na gargalhada e diz: “a minha primeira vez com seu pai também foi naquela escadaria”. 

Ah, e tomei um baita susto dia desses, quando estava fazendo um chá pequeno no apartamento da noiva, apenas com as madrinhas dela. Lá pela meia noite, o interfone tocou e o porteiro disse que os vizinhos estavam reclamando do barulho das gargalhadas. Ninguém havia me avisado que aquilo estava combinado – somente eu e a noiva não sabíamos o que estava por vir. Diminuímos o tom, mas, dez minutos depois tocou a campainha. Era um “vizinho”, um cara de uns 30 anos, lindo, bem vestido de jeans e blazer. Pensei “putz, ele veio reclamar pessoalmente e isso vai quebrar o clima do evento… que chato!”. Ele disse que tinha chegado do trabalho, estava exausto, que era inconveniente ter que reclamar pessoalmente. A noiva estava se desculpando quando, de repente, o cara arranca blazer e camisa, deixando o peito nu. Ela, em choque, sem ainda entender que era uma brincadeira… disse: “moço, pelo amor de deus, bota essa roupa”. hahahahaha Era um stripper, óbvio. 

A Nathalia Ziemkiewicz faz parte do nosso Guia de Fornecedores.

converse com a gente
 0             0})
DEIXE SEU comentário
1 Comentários
  1. Margarida, disse:

    A Nath fez o meu chá e foi muito legal. Eu sou tímida e não queria um stripper ou algo assim, mas ter uma atração interessante, informativa e divertida ajudou muito a animar a festa. Tb reparei que minhas amigas aproveitaram bastante, tiraram dúvidas e contaram experiências próprias. Adorei e super indico!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

ChadePanelaInvernal

A Pati está organizando o casamento todo à distância, já que mora no exterior. O Chá de Panela foi organizando pela Atelier 16, e como seria em pleno inverno curitibano e a noiva adora um clima de friozinho, foi sugerido chá com inspiração “Frozen”. Claro, com todo cuidado para não ficar infantil.

Meu único pedido quanto a decoração era que tivesse neve, o resto seria tudo surpresa. E foi uma surpresa maravilhosa!! Estava tudo incrível e sim, o Atelier 16 arranjou um jeito de por neve em cada cantinho. Cores frias, neve nas mesas e uma mesa de doces de babar…“, contou a noiva. Eu amei, super diferente e elegante!

relação de profissionais desse casamento

Decoração: Atelier 16 (PR)

converse com a gente
 0             0})
DEIXE SEU comentário
2 Comentários
  1. Giselle, disse:

    Linda decoração!

    Atelier 16 é uma das melhores empresas de decoração do Paraná, a Tati ama o que faz, aí não tem como dar errado.

    Há 2 anos e meio atrás fizeram a decoração do meu casamento, tudo ficou muito lindo e a nossa cara, amo e indico!

  2. Mari Medeiros, disse:

    Ficou lindo! Deu até vontade de tomar um chá quentinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Cha-da-Mano-Paris

Eu já havia ficado completamente encantada quando vi o Chá da Manô no Instagram, até já havia postado uma foto no meu instagram @fernandafloret. Mas agora recebi todas as fotos para compartilhar com vocês! A Manô Andrade é chef patisserie, formada em gastronomia e confeitaria, fez diversos cursos em Paris – ela faz parte do Guia de Fornecedores do blog e amamos! Na hora de escolher o tema para seu próprio chá de cozinha, ela não quis fazer nada relacionando à cozinha, bulês e xícaras… Como ama Paris e tem uma ligação com a cidade, este foi o tema escolhido.

Foi uma madrinha quem organizou a festa, mas lógico que a Manô não poderia abrir mão de fazer o bolo e todos docinhos de seu Chá. Mesmo sabendo como seria cada doce, na hora ver a mesa montada foi uma surpresa! Todos os fornecedores escolhidos à dedo se juntaram para montar a mesa o mais lindo possível. Eu estou apaixonada pelo painel pintado no fundo da mesa, ficou encantador! 

As 40 convidadas se divertiram muito e tiveram o privilégio de degustar esse bolo maravilhoso e todos os docinhos feitos com carinho pela própria noiva Manô Andrade Doces. Parabéns Manô, é uma delícia comemorar cada fase do casamento com tanto capricho assim!

relação de profissionais desse casamento

Fotos: Maíra Preto (SP)

Bolo e Doces: Manô Andrade Doces (SP)

Assessoria e Produção: Jazz Assessoria (SP)

Painel Decorativo: Criar HH (SP)

 

Pintura do Painel: Luci Favaretto (SP)

Flores: Alice Martins (SP)

Peças Decorativas: Ella Arts (SP)

Forminhas: Piperina

 

converse com a gente
 0             104})
DEIXE SEU comentário
2 Comentários
  1. Renata, disse:

    Ficou lindo , amei!!

  2. Pingback: Links de Sábado #09 – Indice Feminino

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>