decoracao

Lembro de que no dia do casamento a decoradora Tais Puntel me ligou de manhã cedo da montagem na Casa Panamericana e disse: “Está tudo encantado por aqui!“. Estava mesmo.

Das três irmãs (eu sou a mais velha, a Marina é a do meio e casou em 2011 e a Renata é a mais nova), a Renata é a mais clássica, assim como o noivo. Eu já sabia que o casamento dela teria um toque clássico, mas um clássico leve. Não era para ser um casamento clássico pomposo e até exagerado como temos visto algumas vezes. Nosso ponto de partida eram as palavras-chave “encantado – sofisticado – alegre”. O clima “encantado” foi criado com as muitas luzinhas penduradas e a chuva de luzinhas da  Iluminax na cerimônia. Também pelos muitos porta retratos com fotos de todos os convidados, falo disso mais abaixo. O “sofisticado” veio com as peças de prata da Ella Arts, as cores branco e verde, o mobiliário impecável com jeito de casa da Festah.  O lado “alegre” era os arranjos bem cheios e ao mesmo tempo soltos, desestruturados, feitos pela Tais Punteltudo sem exageros, tudo equilibrado entre o formal e informal, sem mesa posta, muito mais lounges do que mesas.

Cerimônia Religiosa
Diversos bancos, cadeiras, poltronas e sofás misturados. Nada de grandes arranjos no caminho da noiva, para não tampar a visão dos convidados. Apenas ramos de eucaliptos amarrados nas cadeiras e pequenos vasos de flores. Simples e lindo.

Mesa de Doces
Não é novidade porta retrato na decoração das festas de casamento. Só que potencializamos um pouco a quantidade, rs! Não apenas fotos dos pais, da família, mas simplesmente 80 porta retratos com fotos de todos os convidados (por sugestão da Salve Sto Antônio, fizemos as fotos em preto e branco para ficar mais bonito). Foi uma delícia cada um se achar na mesa de doces, as pessoas sempre ficam honradas com o carinho de serem lembradas, essa era a intenção. Ao invés de uma monte de fotos dos noivos, colocamos fotos dos convidados com os noivos, uma forma de dizer como todos são importantes. E lembra aquelas estantes de casa cheias de porta retratos, sabe? Tudo a ver com o clima de “receber em casa”. O bolo maravilhoso é Isabella Suplicy, com massa de cenoura e especiarias por dentro! Doces Isabella Suplicy e Petite Fleur, chocolates da CAU Chocolates. Acreditam que compramos muitos doces, cerca de 8 por pessoa, para sobrar bastante, e não sobrou quase nada? A mesa ficou cheia de doces (repostos pelas copeiras) o tempo todo e os convidados puderam comer doce a hora que quisessem até o fim da festa. Os bem-casados tiveram sabores especiais escolhidos pela noiva, de capim-limão e caramelo com flor de sal, da Fina Nata, uma delícia e com embalagem transparente para dar mais vontade de devorar!

Sala dos Padrinhos
A festa era para ser alegre, com clima de casa, ou seja, pessoas circulando felizes, dançando, e não sentadas numa mesa por horas. Os padrinhos costumam ser os mais animados, que mais passam tempo com os noivos nas fotos protocolares e depois na pista de dança. Para quê deixar então uma mesa reservada para eles e depois esta mesa ficar vazia? Decidimos não reservar uma mesa, mas sim uma sala para os padrinhos ao lado da pista de dança.

Mesa não posta
A forma de serviço no casamento foi menu degustação (vou falar sobre isso depois). Para mim, não faz o menor sentido querer uma festa descontraída e ao mesmo tempo mesa posta. Amo mesa posta, mas quando o jantar é formal, o que não era o caso. Também não vejo sentido em fazer um meio termo, deixar apenas guardanapos e taças na mesa, mas sem sousplat, prato, talheres. Ou faz uma linda e completa mesa posta, ou deixa sem mesa posta (é minha opinião). Afinal o guardanapo de tecido e talheres eram trazidos pelo garçom junto com cada prato da degustação. E as taças são também passadas pelos garçons. Acho lindo assim, lindos arranjos (bem cheios, flores bonitas, peças de bom gosto) no centro da mesa e pronto.

relação de profissionais desse casamento

Fotos: Renata Xavier (RJ)

Vídeo: Guilherme Coelho (RS)

Local de Cerimônia e Festa: Casa Panamericana (SP)

Assessoria: Salve Sto. Antônio (SP)

Decoração e Arranjos Florais: Tais Puntel (SP)

Buffet: Marcelo Gussoni Buffet (SP)

Bolo: Isabella Suplicy (SP)

Doces: Isabella Suplicy e Petite Fleur (SP)

Chocolates: CAU Chocolates (SP)

Bem-Casados: Fina Nata, sabor capim limão e caramelo com flor de sal (SP)

Noivinhos: Lladró (acervo pessoal)

Bar: Help Bar (SP)

Peças Decorativas: Ella Arts (SP)

Mobiliário: Festah Móveis (SP)

Orquestra da Cerimônia: Coral Del Chiaro (SP)

Som e DJ: DB2 Produção (SP)

Iluminação Cênica e Chuva de Luzinhas: Iluminax (SP)

Convites e Papelaria: Barnard & Westwood (SP)

Caligrafia: Fabio Maca (SP)

Rasteirinhas: Gift Chic (SP)

Garrafa de Água Personalizada: Cadô Presentes (SP)

Recreação Infantil: Fadas Madrinhas (SP)

Vestido de Noiva: Carla Gaspar (SP)

Beleza: Agência First, Marco de Barros (SP)

Tiara e Brincos: Renata Bernardo (SP)

Traje do Noivo: Black Tie (SP)

Smoking dos Padrinhos: Black Tie (SP)

Celebrante: Reverendo Domingos (SP)

Alianças: Tiffany&Co.

converse com a gente
 0      2       0})
DEIXE SEU comentário
19 Comentários
  1. Lila, disse:

    Impressionada – e encantada! rs O lugar realmente parece uma casa, lindo, e a decoração tá de tirar o fôlego!

  2. Adriana, disse:

    Que coisa mais linda esse casamento, delicado, sofisticado, encantado e encantador. Parabéns aos organizadores e muitas felicidades aos noivos!

  3. Ansdessa, disse:

    Achei lindo. Mas meu conceito de alegre é um pouco diferente. Na minha opinião está legal, mas está sério. Não sei explicar.

    • Fernanda Floret, disse:

      Oi Ansdessa – é que o alegre era o clima geral, sem stress, tudo leve e tranquilo. O casamento tem um pé no clássico, mas ao mesmo tempo era informal, sem mesa para todos, todos circulando, sem formalidades.. Os arranjos não era certinhos, eram mais soltos, tudo bem leve e alegre!

  4. Karen, disse:

    Lindoooo!
    Onde vocês compraram o portas-retrato?

  5. renatafloret, disse:

    O lugar estava um sonho! Realmente encantado! Lembro da minha reação quando cheguei na casa (me arrumei lá, então vi o processo final da montagem!), estava maravilhada com tudo! A Tais é um doce e conseguiu entender e atender todos os nossos desejos! Nós sabíamos que com a decoração leve, alegre, informal, mas ao mesmo tempo clássica e sofisticada, conseguiríamos dar o tom da festa e impactar os convidados da maneira que pretendíamos, e claro que deu tudo super certo! Fiquei completamente apaixonada pela casa e por esta decoração, por mim eu moraria ali! rs! :)

  6. Ana Lucia Carvalho, disse:

    Encantada com tudo.Casamento belíssimo,bom gosto em tudo.Parabéns pelas escolhas e felicidade aos noivos !

  7. Alexandra, disse:

    Simplesmente sem palavras ! Sem duvida um dos casamentos mais lindo e encantador que já vi. Não poderia ter escolha melhor de decoradora, ficou tudo perfeito, parabéns!

  8. Juliana, disse:

    Uau!

  9. Marilia, disse:

    Estava lindo lindo mesmo, Fernanda. E você tocou num ponto interessante: a mesa não posta. Meu casamento também terá serviço volante, com menu degustação. Mas eu tinha pensado em colocar souspla e o guardanapo de pano (que não viria junto com o serviço). Agora fiquei na dúvida. Não é ligeiramente estranho apoiar o serviço (mesmo que sejam pequenas taças) direto na mesa?

    • Fernanda Floret, disse:

      Oi Marilia – para mim festa com menu degustação é mais informal, significa que você quer as pessoas mais à vontade, circulando, comendo a hora que quiserem. Por isso não faz sentido ter mesa para todos e nem mesa posta. Ter sousplat e guardanapos na mesa dá a entender que será servido jantar na mesa, o que não é o caso, porque a pessoa pode comer o menu degustação até de pé, num sofá, onde quiser. O sousplat tem a função de proteger a mesa do calor do prato. Mas sendo pequenas taças, não há a menor necessidade! Por isso para mim faz muito mais sentido ter apenas um lindo arranjo no centro das mesas. Sou a favor ou da mesa posta completa, ou não. Fazer uma coisa meio termo é estranho para mim. Beijos!

  10. Andressa, disse:

    Oi Fernanda…

    Entendi… realmente… Está leve e parece ter criado um clima deixava os convidados bem a vontade… Parabéns a noiva e a você!

  11. Juliana, disse:

    Tudo tão clássico… tão perfeito!!! Parece um casamento real, quero dizer de reis e rainhas…

    Lindo!!

  12. Marina Lima, disse:

    Fernanda, lindo, clássico e delicado!!! Amei os porta retratos!!!! De onde são?

  13. Fernanda, disse:

    Amei o estilo dos arranjos de flores.

  14. ana, disse:

    oq era a “sala de padrinhos”?
    q hrs comecou o casamento?
    obrigada

    • Fernanda Floret, disse:

      Oi Ana, A “sala dos padrinhos”está explicada no texto do post, dá uma lida lá! O casamento estava marcado para às 19h. Beijos

  15. ana, disse:

    li sim mas nao entendi :(
    da mesma forma q vc acha q a mesa dos padrinhos ficaria vazia nao seria o mesmo com a sala? nao entendi qual a vantagem….
    tudo lindo , mto bom gosto!!

    • Fernanda Floret, disse:

      Ana – uma sala é mais livre, as pessoas podem sentar, ficar de pé, circular, e é do lado da pista onde os padrinhos ficam a maior parte do tempo. E se não tinha ninguém usando, outros convidados usavam também. Já uma mesa com plaquinha de reservado, ninguém mais usa. Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Lucia-Milan

Amo casamentos diurnos, não é segredo. Para quem ainda acha que casamento diurno tem sempre cara de rústico, de não elegante, de informal… Dê uma olhada nesta decoração da Gioia Decoração. Os noivos escolheram se casar no jardim da casa dos pais da noiva, onde uma estrutura foi construída. Foi um delicioso brunch para poucos convidados, uma cerimônia intimista e muito sofisticada. A cartela de cores ficou linda - bordô, dourado, verde e creme -, guirlandas compridas nas mesas lembrando casamentos da década de 40, tons terrosos e uma mistura de texturas como madeira, pedra e cristal. A mesa de welcome drink e de chá trouxeram charme extra para o dia. Simplesmente lindo.

relação de profissionais desse casamento

Fotos: Julia Ribeiro (SP)

Local da festa: Casa dos pais da noiva

Decoração: Gioia Decoração (SP)

Flores: Lucia Milan (SP)

Buffet: Marcelo Sampaio (SP)

Iluminação: TRBR Eventos (SP)

Mobiliário e complementos: FestahTríadeSanta FestaMesalinhoParty Coberturas (SP)

converse com a gente
 0      1       0})
DEIXE SEU comentário
6 Comentários
  1. marjorie vannucci, disse:

    UAU….
    esse casamento parece saído diretamente dos meus sonhos!!!
    já estou amando as idéias!!

    O mais legal é que estou pensando já no planejamento do nosso casamento (Marjorie & Fabio) e ele será um mini wedding cercado de natureza e um brunh.
    Se tudo der certo, será num restaurante chamado JARDIM exatamente com essa atmosfera.

    Gostaria de dicas de horário para a cerimônia, pois será em setembro e estou em dúvida se escolho um horário cedo ou um pouco mais tarde.

    Muito obrigada pelas lindas postagens!
    Beijos

  2. Renata, disse:

    UAU! Linda a decoração, amei!! Os detalhes são lindos, especialmente as guirlandas e bouquets amarrados nas cadeiras!

  3. Juliana, disse:

    Amei tudo…
    Belissima casa, a decoração parece de revista sabe?? Estou aqui sonhando!!!

    Felicidade aos noivos… Porque casar, com certeza é um dos maiores presestes.. é o inicio de uma vida a dois..

    Beijos Fernanda!

    http://cadernodetendencias.com

  4. Wal, disse:

    Decoração simplesmente espetacular! De MUITO, MUITO bom gosto. Amei!

    Beijos

  5. Camila Chaves, disse:

    A delicadeza dos arranjos de flores, as cadeiras de ferro, a toalha com renda renascença na mesa de café…são tantos detalhes…Magnífico!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

casamento-boho-tropical

Foi um mini-wedding de uma noiva brasileira e um noivo Suíço. Ambos moram atualmente em Istambul, mas escolheram como cenário um casamento na praia em Ilhabela, SP. O conceito da decoração começou sendo tropical chique, mas sendo uma noiva apaixonada por mandalas e com acervo de peças decorativas e pashminas vindas diretamente do Gran Bazaar de Istambul sob a inspeção da decoradora Tais Puntel, acabou ganhando uma bela pitada boho que fez com que este casamento ficasse único e só pudesse ser deste casal. 

relação de profissionais desse casamento

Fotos Decoração: Diana Freixo (SP)

Decoração e buquê: Tais Puntel (SP)

Local da Cerimônia e Recepção: Pousada Vila das Velas (Ilhabela, SP)

Assessoria: Paris Assessoria (SP)

Buffet: Marakuthai (Ilhabela, SP)

converse com a gente
 0      1       0})
DEIXE SEU comentário
5 Comentários
  1. gabriela, disse:

    Que lindo!
    Colorido,diferente, cheio de charme.
    Amei.
    Parabéns.

  2. Gabriela, disse:

    Este casamento está de “babar”!
    Tenho acompanhado o trabalho da Tais Puntel e posso afirmar que ela sempre surpreende!
    Quando parece que ela já fez de tudo, ela traz inspirações do outro lado do mundo.
    O cenário já era lindo, mas com esse decor, ficou SENSACIONAL!
    - Bili

  3. Natália, disse:

    Oi Fernanda! Tudo bem?
    Acho maravilhosa decoração tropical!
    Meu casamento será noturno, combina a decoração tropical chic ou ela vai melhor em casamentos diurnos mesmo?

    Bjs

    • Fernanda Floret, disse:

      Oi Natália, Pode usar decoração tropical chique sim, afinal estamos num país tropical, combina sempre! Beijos

  4. Pingback: Mesa Boho Tropical

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>