Hoje em dia muitas noivas estão abrindo mão de casar na Igreja. Os motivos podem ser diversos: não ser religiosa praticante, não ter esse sonho, cortar despesas, ser o segundo casamento do noivo, ter religiões diferentes, escolher um cenário diferente para a união…

james-christianson

Eu mesma não fiz questão de casar na Igreja. Acho lindo, mas não fazia questão. Meu sonho era casar, mas sem necessariamente precisar ser na Igreja.  Afinal eu acredito que o amor está em todos os lugares. Mas eu queria uma cerimônia, uma benção, a troca de alianças, alguém que proclama-se “e eu os declaro marido e mulher…”

O que fazer nesses casos? Padres de Igreja Católica não celebram casamentos fora da parôquia. A solução é convidar um Reverendo, Pastor ou qualquer pessoa que saiba falar de amor para celebrar a união. Estas pessoas realizam a cerimônia do jeito que você quiser, tradicional ou não, cerimônia ecumênicas e até com efeito civil – sem precisar de um juiz de paz.

Quem celebrou meu casamento foi o Reverendo Domingos. Contato: domingos.bete@gmail.com | Telefone: (11) 64348512

No nosso Guia de fornecedores temos outras indicações que super confio, clique aqui.

Foto: James Christianson

converse com a gente
 0      0       0})
DEIXE SEU comentário
164 Comentários
  1. Audrey, disse:

    Alguém teria o modelo de roteiro da cerimônia ? Obrigada

  2. MARIANA, disse:

    Bom dia,gostaria de saber,se eu contratar um celebrante,ele vai da a benção das alinças?eu preciso mesmo assim ir no cartorio para casr lá primeiro?comprensa mais um juiz de paz ou um celebrante?

    Muito obrigada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>