Hoje em dia muitas noivas estão abrindo mão de casar na Igreja. Os motivos podem ser diversos: não ser religiosa praticante, não ter esse sonho, cortar despesas, ser o segundo casamento do noivo, ter religiões diferentes, escolher um cenário diferente para a união…

james-christianson

Eu mesma não fiz questão de casar na Igreja. Acho lindo, mas não fazia questão. Meu sonho era casar, mas sem necessariamente precisar ser na Igreja.  Afinal eu acredito que o amor está em todos os lugares. Mas eu queria uma cerimônia, uma benção, a troca de alianças, alguém que proclama-se “e eu os declaro marido e mulher…”

O que fazer nesses casos? Padres de Igreja Católica não celebram casamentos fora da parôquia. A solução é convidar um Reverendo, Pastor ou qualquer pessoa que saiba falar de amor para celebrar a união. Estas pessoas realizam a cerimônia do jeito que você quiser, tradicional ou não, cerimônia ecumênicas e até com efeito civil – sem precisar de um juiz de paz.

Quem celebrou meu casamento foi o Reverendo Domingos. Contato: domingos.bete@gmail.com | Telefone: (11) 64348512

No nosso Guia de fornecedores temos outras indicações que super confio, clique aqui.

Foto: James Christianson

converse com a gente
 0             4})
DEIXE SEU comentário
176 Comentários
  1. Audrey, disse:

    Alguém teria o modelo de roteiro da cerimônia ? Obrigada

  2. MARIANA, disse:

    Bom dia,gostaria de saber,se eu contratar um celebrante,ele vai da a benção das alinças?eu preciso mesmo assim ir no cartorio para casr lá primeiro?comprensa mais um juiz de paz ou um celebrante?

    Muito obrigada.

  3. padre anglicano tadeu cavalcanti, disse:

    Olá queridos noivos!

    Parabéns pelo desejo de se casarem! O encontro de vocês já estava traçado no propósito de Deus! Que tudo ocorra bem até o grande dia.

    Aconselho a se casarem no civil, porque a cerimônia no cartório é bonita, e fará parte do seu álbum e filmagem. No mesmo dia ou em dias posteriores é muito emocionante e espiritual se casarem no religioso, em alguma paróquia, ou em espaços fora dos templos.
    A Igreja Católica, com sabedoria, não permite que seus padres celebrem fora das paróquias, para evitar uma comercialização do sagrado.
    As demais igrejas o permitem. Eu entendo que a celebração do batismo e casamento, mesmo em espaços fora das paróquias, não devem ser cobrados, tendo em vista serem sacramentos; sacramento não deveria ser comercializado.
    Aconselho os noivos a consultarem as igrejas-membro do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs, http://www.conic.org.br para conhecerem as igrejas históricas e de sacramentos reciprocamente válidos. São igrejas centenárias e milenares como a católica, anglicana e ortodoxa.
    Sou padre anglicano da Igreja Episcopal Anglicana, uma das igrejas-membro do CONIC. Nossa jurisdição eclesiástica permite aos clérigos celebrarem em espaços fora dos templos.

    Fique na ternura de Deus, e que tudo ocorra bem até o dia do sacramento do seu matrimônio.

    Padre Anglicano Tadeu
    Clérigo da Paróquia Anglicana da Ressurreição: Rua Potengi, 247 próximo metrô Santa Cruz-SP: missas aos domingos 10:30 hs.
    011- 99534-5883

    http://www.dasp.org.br http://www.anglicancommunion.org. http://www.conic.org

  4. Vanessa Castro, disse:

    Oi Fe!
    Tenho uma dúvida… se eu contratar um juiz de paz para fazer meu casamento, eu posso ter toda aquela pompa de entrada de padrinhos, daminhas, pajem, etc, certo? Não precisa ser algo rápido…. posso colocar minhas músicas e até ter um coral, né?
    Obrigada!

    • Fernanda Floret, disse:

      Vanessa, Juiz de Paz é o oficial do cartório. Ele vai realizar a cerimônia apenas civil, bem rápida e objetiva, afinal é um contrato. Inclusive basta ter apenas 2 padrinhos, então não faz sentido vários padrinhos, entrada com música… Afinal não se trata da cerimônia religiosa e sim da assinatura do contrato de casamento civil. Talvez o que você queira é um celebrante. Você pode contratar um celebrante, que pode ser um reverendo, um pastor, um padre que não seja da igreja católica. Ou mesmo uma pessoa que não seja de nenhuma religião, mas celebre uma cerimônia “de amor”. Aí sim você pode ter seu casamento tradicional, com entrada, música, etc. Temos uma indicação de celebrante no nosso guia de fornecedores: http://vestidadenoiva.com/categoria/celebrantes/

  5. Natália, disse:

    Oiii,Fernanda sou casada há 10 anos na igreja católica me casei de portas fachada somente com 2 padrinho,por falta de condições, hoje gostaria de fazer uma celebração com tudo que tenho direito incluindo vestido de noiva em um salão ,isso pode ser feito….bjs

    • Fernanda Floret, disse:

      Oi Natália, lógico que pode, vá em frente!

  6. Tânia, disse:

    Natália, vc poderá procurar por Ritualista Ecumênica ou Celebrante. A celebração é feita de acordo com os desejos, sonhos e crenças! É sempre muito linda , verdadeira e personalizada! Vá em frente e realize o seu sonho.

  7. Bruna, disse:

    Fernanda, você casou na igreja também ou o casamento feito pelo Reverendo tem validade na igreja católica?

    • Fernanda Floret, disse:

      Olá, não casei na igreja. O casamento realizado pelo reverendo não tem validade na igreja católica. Para ter validade na igreja, é necessário casar dentro da igreja.

  8. Mariana, disse:

    ola, onde e a foto acima??

    • Fernanda Floret, disse:

      Não é no Brasil… É uma foto que achei pela internet, infelizmente não sei te dizer o local. Obrigada

  9. Sabrine, disse:

    Olá Fernanda, quero me casar ao ar livre, porém meu marido acha que precisa ser na igreja para receber a Benção na casa do Pai, o que você acha sobre isso? É preciso casar na igreja ou casando em um campo receberá a mesma benção?

    • Fernanda Floret, disse:

      Sabrine, perante a igreja católica o casamento só tem validade se for dentro da igreja. Casamentos fora da igreja não são realizados por padres da igreja católica. Você precisa conversar com seu noivo e decidirem. Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>