AdrianaMalouf

O desejo da noiva para a decoração de seu casamento era que fosse algo simples e chique! Não queria nada muito rebuscado, mas também não queria que ficasse clean demais. Quem fez o equilíbrio perfeito entre o exagerado e o simples demais foi a decoradora Adriana Malouf.

Nas cores branco e verde, eu amei o mix de flores, as muitas orquídeas plantadas e as luzinhas penduradas na estrutura de som e luz da pista. Para a mesa de doces, um estilo farto de folhas e flores baseando-se em referências do sul da França. Uma curiosidade: foi a própria noiva quem fez as velas do casamento!

Para a cerimônia religiosa, celebrada no mesmo local da festa, o pedido era que parecesse uma igrejinha. Adriana Malouf usou os tradicionais bancos de igreja ao invés de cadeiras. Adoro os arranjos baixos no corredor da cerimônia, para não atrapalhar a vista dos convidados.

relação de profissionais desse casamento

Decoração: Adriana Malouf (SP)

Flores: Fatima Casarini (SP)

Local: Jockey Club de São Paulo (SP)

Bolo e Doces: Nininha Sigrist (SP)

 

Fotos Decoração: Helson Gomes (SP)

Iluminação: Blackout (SP)

Móveis: Mobile e Complements (SP)

Toalhas: Mesalinho (SP)

converse com a gente
 0      1       0})
DEIXE SEU comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

segredo_das_noivas

Casamento é realizar um sonho, uma etapa da vida celebrada entre as pessoas que a gente mais ama, família e amigos. Simplesmente não tem como não ser perfeito! E por mais que cada noiva sempre ache o seu próprio casamento o melhor do mundo, sempre tem uma coisinha que não aconteceu conforme planejado, que não deu tão certo ou que fariam diferente.

Como não cometer os mesmos erros de noivas que acabaram de se casar? Resolvi criar este post no blog para compartilhar os segredos das noivas recém-casadas, aquelas dicas que só quem acabou de passar por isso pode compartilhar a experiência com vocês! Espero que ajude!

segredo1Casamento Ana + Leandro

Cronograma do Making of

“O que mais atrapalhou a minha programação foi a correria na hora de me arrumar. Eu nem sei direito o que aconteceu, se foram as madrinhas ou os maquiadores que atrasaram, só sei que na hora de eu me arrumar, mal tive tempo de curtir e meu penteado ficou meio solto…. Tanto que me achei ‘despencada” em várias fotos! Esse atraso também atrapalhou o horário da cerimônia, que acabou acontecendo bem no pôr do sol, e não pudemos tirar as fotos com os padrinhos na luz do dia. Acho que o meu conselho pras futuras noivas, seria organizar bem com a assessora o cronograma do dia e ficar em cima mesmo pra que ela faça acontecer do jeito que planejaram”. 

segredos3Ana Paula + Julio

Mudança de cabelo entre cerimônia e festa

“A cerimônia e a festa do meu casamento aconteceram no mesmo local. Eu quis aproveitar o tempo que seria necessário para as pessoas se acomodarem na festa e iniciar o coquetel para transformar meu coque da cerimônia num penteado solto e quem sabe fazer algumas fotos com padrinhos, pais e só nossas. Estão aí duas coisas que eu mudaria. Deixar o cabelo solto na festa não foi como eu imaginava, porque além de muitos abraços eu dancei muito, logo o cabelo estava desarrumado e eu morrendo de calor. O outro erro foi não delimitar quais seriam as fotos e quanto tempo no máximo levaríamos nisso. A combinação arrumar cabelo e fazer fotos levou muito tempo e acabamos demorando para entrar na festa”.

segredos2Casamento Marina + Gustavo

Confirmação de Presença

“Nós não queríamos fazer um casamento pra muita gente, pois tínhamos que guardar dinheiro para uma mudança de país devido a estudos (a primeira lista somente dos meus pais, sem nenhum convidado meu, do Gustavo ou da família dele, estava com 250 pessoas). Então, depois de muita polêmica e alguns desentendimentos com nossos pais, conseguimos convencê-los de fazermos um casamento apenas para os avós, tios, primos e alguns poucos amigos bem próximos (e ainda assim a lista final chegou perto de 190 pessoas, pois tenho muitos primos e muitos deles já são casados e tem filhos!). Quando contratamos o serviço de cerimonial, achamos muito caro pagar pelo serviço de RSVP ativo e apenas optamos pelo passivo, no qual as pessoas deveriam ligar para a nossa cerimonial e confirmar a presença delas. Mas infelizmente no Brasil isso não funciona. As pessoas não pensam que faz diferença confirmar ou não e simplesmente ignoram o aviso que está no convite.  Com a data se aproximando, nossa cerimonial nos procurou e disse que não havia recebido uma ligação sequer. E isso me estressou muito. Não somente pelo fato de termos que avisar o local da festa, para ter comida e atendimento suficiente pra todo mundo, mas também porque queríamos organizar as mesas da melhor forma possível, já que o restaurante tinha áreas abertas e fechadas, climatizadas ou não, e faria total diferença sabermos quantos convidados teríamos para tentarmos deixar todo mundo o mais confortável possível. Foi aí que nossos pais começaram a ligar para as pessoas pra tentar saber quem iria ou não. Eu e o Gustavo também passamos a procurar nossos amigos. Nossa surpresa foi enorme! Muita gente não iria e não se preocupou em avisar. Muita gente avisou de última hora que não poderia ir e alguns disseram que iriam e não apareceram (acho que por vergonha de dizer para nós ou para os nossos pais que não iriam). No final, ficou tudo bem, pois na última hora eu consegui uma lista aproximada e não faltou mesa pra ninguém, tampouco ficaram muitas mesas vazias sobrando pelo restaurante. Conseguimos o casamento dos sonhos e não tivemos nenhum problema no dia, por incrível que pareça. Nós conseguimos o casamento que sonhamos, apenas com convidados mais íntimos, o que deixou o ambiente cheio de emoção (a gente ouvia o choro das pessoas durante a cerimônia) e agora sentimos saudade do dia perfeito que tivemos. Mas hoje, eu pagaria por um serviço de RSVP ativo. Isso teria nos poupado certo desgaste nos dias que antecederam o casamento e seria a única coisa que eu faria diferente”.

converse com a gente
 0      2       0})
DEIXE SEU comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

ANA_E_JULIO

Pensa num casal animado! Era assim que eles queriam a festa, que fosse diferente dos casamentos clássicos. Queriam uma grande balada, com muita vibração boa no ar e com amigos e familiares totalmente relaxados, nas palavras da noiva.

E como ela fez para realizar o casamento diferente? Ela conta:

Usamos cores super vibrantes na decoração, diferentes tipos de lounges espalhados pelo salão, globos e muitas luzes marcando a pista, com o bar de drinks e DJ em destaque. Era só entrar para sentir a energia. Optamos por fazer diferente, sem ter aquele “momento jantar, fotos, sobremesa, dança, brinde, abertura da pista”, queríamos algo “menos duro” e logo que entramos já fizemos um discurso rápido, dançamos e abrimos a pista. A balada começou com a nossa entrada e só parou de manhã, literalmente pois a pista não esvaziou em nenhum momento. As comidinhas e bebidas rolavam o tempo inteiro, em forma de porções, para ninguém precisar parar de dançar para comer. Tocamos músicas para agradar todas as idades, então se via desde meus avós na pista até as crianças, todos dançaram sem parar. Planejamos surpresas para serem feitas em momentos que os convidados pudesses começar a cansar. Balões de coração, tubos de LED, camisetas do Inter (time do noivo), buquê com dancinha ensaiada (foi o máximo fazer a coreografia do Show das Poderosas e ter todas as solteiras dançando igual na minha frente), lanchinhos na madrugada (espetinhos gaúchos e cachorro quente). Foi o suficiente para manter o pessoal super animado. A cada surpresa largávamos uma sirene e ao longo da festa quando os convidados escutavam a sirene já sabiam que surpresas viriam!“.

A cerimônia também foi importante e diferente da festa. Celebrada por um casal de padrinhos e pelo tio da noiva, com decoração totalmente branca, sem arranjos ao longo da nave, apenas a chuva de luzinhas ao fundo. Lindo!

Quem registrou tudo foi o Marcelo Andrade.

relação de profissionais desse casamento

Fotos: Marcelo Andrade (RS)

Vídeo: William Rossoni (RS)

Local: Casa NTX (RS)

Assessoria: Vintage Atelier (RS)

Decoração: Empório das Locações e Tok de Arte (RS)

Buffet: Aita Recepções (RS)

Bar: Flavor (RS)

Bolo e Doces: La Poêle (RS)

Som e iluminação: Power Sound (RS)

DJ: Márcio Zitto (RS)

Vestido: Rosamaria Unique (RS)

Acessório: Pronovias

Beleza: Hugo Beauty (RS)

converse com a gente
 0      1       0})
DEIXE SEU comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>